Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Ó Menina

Notas de uma menina que, por acaso, trabalha num call center

Ó Menina

Notas de uma menina que, por acaso, trabalha num call center

Ó Menina na Greve #6

ó menina, 31.10.19

Nada como em dia de greve nacional para o sector dos Call Centers receber um alegre recibo de vencimento e respectivo salário mínimo nacional pelo trabalho prestado num call center da Randstad II cuja empresa utilizadora é a NOS. Reparem nas bandeirinhas!

Sim, o meu trabalho é qualificado. Certamente ninguém considera que aqueles que estão na linha da frente da relação empresa/cliente a tratar reclamações, fazer gestão dos contratos, apoio técnico, analise de facturação, processamento de créditos e débitos, acordos de pagamento ... são trabalhadores pouco qualificados.

Sim, o meu salário base é de 600 euros.

Sim, vou trabalhar muitas vezes doente porque se não o fizer o que me sobra da remuneração base mensal, após uns dias de baixa, não me chega para pagar as contas.

Sim podem partilhar. Devem partilhar!

E que venham as retaliações, já que perdido  por 100 perdido por 1000, ou melhor, perdido por 600 perdido por 1000.

20191031_071938.jpg

Ó Menina, não tens jeito nenhum para edição. Vê-se perfeitamente que foste tu a colocar as bandeiras. Até borraste um bocadinho.

- Não sejam esquisitos, pá ( vou usar pá muitas vezes, hoje, sinto-me mais esquerdalha que o habitual.).

Achavam que vos ia dar o meu nome, assim?

Ponderei deixar a Conta Bancária para me fazerem uma contribuição solidária, para as propinas, mas depois o banco ficava com tudo em comissões e achei melhor não.